Author Archives: admin

Matrículas e Ação Social Escolar

O prazo das matrículas (eletrónicas no Portal das Escolas) para a Educação Pré-Escolar e para o 1.º Ano, do 1.º Ciclo, para o ano letivo 2018/2019, terá início a 16 abril e termina a 15 de junho de 2018 (Despacho Normativo n.º 7-B/2015, de 7 de maio, alterado pelo Despacho Normativo n.º 1-H/2016, de 14 de abril e pelo Despacho Normativo n.º 1-B/2017, de 17 de abril).

Na Educação Pré-Escolar e no 1.º Ciclo a candidatura à ação social escolar, o pedido de almoço e a candidatura às Atividades de Animação e Apoio à Família (acolhimento e prolongamento de horário) AAAF e Componente de Apoio à Família CAF, deverá ser feita pelos Encarregados de Educação na Secretaria do Agrupamento entre os dias 2 e 30 de maio de 2018.

A candidatura da ação social escolar (ASE), para os alunos do 2.º e 3.º Ciclos, deverá ser efetuada pelos Encarregados de Educação na Secretaria do Agrupamento, entre os dias 2 e 30 de maio de 2018.

 


Orçamento Participativo das Escolas

Pelo segundo ano consecutivo, os estudantes do 3.º ciclo do ensino básico e do ensino secundário vão poder decidir o que querem melhorar na sua escola. Para isso, precisam de ter uma ideia, reunir apoio e, claro, conseguirem os votos dos colegas! Trata-se de um processo democrático que acontece em cada escola.
Dia 23 de março, das 9h30 às 17h00  – votação na Biblioteca – alunos do 3.º ciclo.

Este ano letivo foi criado um sítio  https://opescolas.pt/  que pretende ser uma ferramenta informativa e interativa do Orçamento Participativo das escolas.

Calendarização do OPE – Escola Básica de São Lourenço
Formulário Proposta OPE

 

 

 


Inquérito ASE

O inquérito de satisfação sobre a cantina escolar, da Escola Básica de São Lourenço, será realizado em sala de aula, durante o mês de fevereiro de 2018.

 

https://drive.google.com/open?id=1KYP4GKFCfyHh5KZD9yVXhJx4GA1-xtdBrwbD3i5yIRA

 

 


Concerto de Natal na EB de Mirante de Sonhos

Desde há cinco anos que é assim. Os alunos, professores, educadores e auxiliares da Escola Básica Mirante de Sonhos, trabalham em equipa para dar corpo ao projeto “Cantar Sonhos”. O grupo coral, que integra os cerca de 250 alunos da escola, dos três aos 10 anos, realizou nos  dias 14 e 15 de dezembro duas atuações, que juntaram mais de 500 pessoas na assistência, desde pais e encarregados de educação até familiares.

Os concertos, explica Neuza Pinto, uma das coordenadoras do projeto, têm sempre vertente solidária. Já ajudaram instituições que apoiam sem abrigo e crianças carenciadas e famílias afetadas pelo sismo no Nepal (há quatro anos). Este ano o apoio foi para animais de rua, tendo sido recolhidos comida e cobertores, entre outros.

“QUEREMOS CRIAR MEMÓRIAS E FAZÊ-LOS SENTIR QUE ISTO É UMA FAMÍLIA”

Os concertos, de cerca de uma hora e com direito a uma encenação teatral, surgem como o culminar de cerca de dois meses de trabalho.

“Tudo começou há cinco anos no Concerto de Natal e todos os espetáculos têm uma vertente solidária”, explica a coordenadora do projeto. “Queremos incutir nas crianças valores e sentimentos de solidariedade numa altura em que, cada vez mais, cada um olha apenas para o seu umbigo. É educação cívica e os alunos têm oportunidade de relacionar-se”, salienta Neuza Pinto.

Todos os anos o projeto se renova pelos bons resultados alcançados. E este ano não foi exceção. Na quinta e na sexta-feira os 250 alunos encheram o palco no musical “Um Natal para Amar”. “Ensaiar 250 crianças não é fácil, mas faz-se com vontade e amor à camisola. Foi muito compensador, fiquei emocionada. É gratificante ver o resultado”, diz Neuza Pinto.

Segundo a docente, os professores e auxiliares dedicam o seu tempo à causa e, muitas vezes, trabalham até mais tarde para tudo funcione. “Trabalha-se em equipa”, garante, caracterizando a EB Mirante de Sonhos como “uma escola de afetos”.

“Os professores do ensino primário são os que mais marcam as crianças. Queremos criar memórias e fazê-los sentir que isto é uma família”, afirma a coordenadora do “Cantar Sonhos”.

Entre os sonhos, a concretizar já em 2018, está a repetição de um espetáculo com as crianças ao ar livre. “Há quatro anos fizemos um concerto ao ar livre no parque urbano de Ermesinde e angariamos fundos para as pessoas que tinham sido afetadas pelo sismo no Nepal (cerca de dois mil euros). Foi fabuloso, tivemos mais de 1.000 pessoas a assistir e ainda hoje nos falam nesse concerto. Em 2018, vamos repetir a experiência, em junho, no final do ano letivo”, adianta.


Resultados do Corta Mato na Escola Básica de São Lourenço

Resultados do Corta Mato da Escola Básica de São Lourenço realizado no dia 14 de dezembro de 2017.

Os alunos da Educação Especial também participaram com muito empenho nesta iniciativa.

Informação: Os seis melhores atletas por escalão/sexo, representarão a nossa escola no Corta-Mato Fase Regional, a realizar no Parque da Cidade, no dia 26 de janeiro.


Atividade PERCUTIR

No passado dia 29 de maio recebemos a visita do Senhor Presidente da Câmara Municipal de Valongo, Dr José Manuel Ribeiro e do Sr Vereador da Educação, Dr Orlando  Rodrigues na Unidade de Ensino Estruturado da Escola Básica de São Lourenço – Ermesinde, na atividade PERCUTIR.


Eramus+ – Primeira reunião transnacional

O Agrupamento de Escolas de São Lourenço participa no programa Erasmus+, no projeto “Same but different

O Agrupamento de Escolas de São Lourenço recebeu com muito entusiasmo a aprovação de mais uma candidatura a um programa da Comissão Europeia no domínio da Educação, Formação, Juventude e Desporto – Erasmus+. Esta designação foi criada com base na iniciativa Erasmus, célebre pelas oportunidades que oferece aos estudantes universitários.

O enorme sucesso da participação deste Agrupamento em dois projetos anteriores, pertencendo, na altura, ao programa Comenius, incentivou a que o Agrupamento se tornasse novamente parceiro num projeto europeu. A candidatura, sob o tema “Same but different”, foi efetuada envolvendo escolas de cinco países, Alemanha, Dinamarca, Espanha, Itália e Portugal.

O primeiro encontro de trabalho de todas as escolas parceiras decorreu na Martin-Luther-King-Gesamtschule, em Ratingen, na Alemanha, dado que esta é a escola coordenadora do projeto, tendo-se realizado de 24 a 28 de outubro.

Este encontro contou com a presença dos coordenadores e respetiva equipa, de cada um dos países parceiros. A língua utilizada como base de comunicação foi o inglês, que se apresenta como fator comum visto que é a segunda língua do currículo dos diferentes países. Assim, é um dos objetivos do projeto a promoção do uso dessa língua num contexto de aprendizagem ativa, fomentando a sociabilização entre pessoas de diferentes culturas, apontando já para o tema do projeto. Os alunos do 3º ciclo da Escola Básica de São Lourenço serão os abrangidos por este projeto, bem como professores dos vários ciclos que colaborarão nas atividades a desenvolver nas diferentes etapas a decorrer, pelo menos, ao longo de dois anos letivos.

Além das sessões diárias de trabalho entre os professores dos cinco países, realizaram-se ainda atividades de âmbito cultural quer na própria escola quer na cidade e arredores, num ambiente pautado pela partilha de experiências profissionais e culturais, criando um forte compromisso com o tema “Same but different”.

Artigo publicado em: + Educação Valongo

Versão inglesa

Agrupamento de Escolas de São Lourenço participates in the Erasmus + program, in the project “Same but different

The Agrupamento de Escolas de São Lourenço received with great enthusiasm the approval of another application for a European Commission program in the field of Education, Training, Youth and Sport – Erasmus+. This designation was created on the basis of the Erasmus initiative, renowned for the opportunities it offers to university students.

The enormous success of this Agrupamento in two previous projects, belonging at the time to the Comenius program, encouraged the Agrupamento to become a partner in a European project. The application, under the theme “Same but different“, was carried out involving schools from five countries, Germany, Denmark, Spain, Italy and Portugal.

The first work meeting of all the partner schools was held from 24 to 28 October, at the Martin-Luther-King-Gesamtschule in Ratingen, Germany, as this school is the project coordinator.

This meeting was attended by the coordinators and respective team from each of the partner countries. The language used as the basis for communication was English, which is a common factor since it is the second language of the curriculum of the different countries. Therefore, it is one of the objectives of the project to promote the use of this language in a context of active learning, fostering socialization among people of different cultures, already pointing to the theme of the project. The students of the 3rd cycle of the Escola Básica de São Lourenço will be covered by this project, as well as teachers of the various cycles that will collaborate in the activities to be developed in the different stages to be carried out at least during two academic years.

In addition to the daily work sessions between the teachers of the five countries, cultural activities were carried out both in the school itself and in the city and its surroundings, in an atmosphere based on the sharing of professional and cultural experiences, creating a strong commitment to the theme “Same but different.”



Ensino Articulado da Dança

Todos os anos letivos abrimos vagas para o 5º ano de escolaridade, para iniciação ao ensino da dança – regime articulado.
Os alunos interessados devem inscrever-se na Escola de Dança GINASIANO – na Rua de Pádua Correia 305, 4400-238 V.N. Gaia (junto ao Corte Inglês), para realizarem as respetivas provas de seleção (a decorrer em datas a combinar – a partir do mês de março de cada ano).


Ensino Articulado da Música

Todos os anos letivos abrimos vagas para o 5º ano de escolaridade, para iniciação ao ensino da música – regime articulado.
Os alunos interessados devem inscrever-se na Academia de Música de Costa Cabral – na Rua de Costa Cabral 877, 4200-225 Porto, para realizarem as respetivas provas de seleção (a decorrer em datas a combinar – a partir do mês de março de cada ano).


Dia Internacional da Não Violência e da Paz nas Escolas 2017

No 30 de janeiro assinala-se o Dia Internacional da Não Violência e da Paz nas Escolas. Este dia foi instituído em 1964 para alertar alunos, pais,
professores e toda a sociedade para valores como o respeito, a cooperação, a solidariedade, a não violência e a paz.

“Ler mais”

As nossas escolas

Escoa Básica de São Lourenço

Arquivo de notícias

Procurar

Abril 2018
S T Q Q S S D
« Mar    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30